Associação Peter Pan realiza o Bazar do Desapego com itens novos e seminovos

Os produtos são resultado das doações recebidas no Dia do Desapego e estarão disponíveis por preços populares a partir de R$5,00. Toda renda obtida será aplicada na manutenção dos 16 programas sociais da instituição.

A Associação Peter Pan (APP) realiza, a partir desta segunda-feira (30), das 8h às 16h, o Bazar do Desapego com itens novos e seminovos arrecadados no evento “Dia do Desapego”. As pessoas poderão encontrar roupas, calçados, acessórios, brinquedos, móveis e muito mais.O bazar, localizado na Rua Alberto Montezuma, 350, Vila União, acontece no espaço totalmente reformado pela instituição, proporcionando mais conforto para os clientes.

O  valor arrecadado com as vendas será destinado para manter os 16 programas sociais da APP, iniciativas que assistem os pacientes e seus cuidadores desde sua entrada no hospital até o seu pós-tratamento.Dentro dos programas, a instituição realiza reformas habitacionais, plantões fraternos, espaços lúdicos de lazer e acolhimento, atividades de leitura, apoio nutricional, dentre outros.

A Coordenadora do Bazar da Associação Peter Pan, Rosangela Formentin, explica a importância da participação da população no evento. “O Bazar é uma importante fonte de renda para manter as atividades da Associação Peter Pan. Além das doações, estes recursos nos permitem acolher todas as famílias que aqui chegam. Comprar esses produtos é uma excelente oportunidade das pessoas adquirirem produtos de qualidade, com um valor acessível e ainda ajudar milhares de crianças e adolescentes que lutam contra o câncer”. Serviço
Evento: Bazar do Desapego da Associação Peter Pan
Quando:
 A partir do dia 30 de fevereiro, de 8h às 16 horas 
Onde: Rua Alberto Montezuma, 350 – Vila União
Informações: pelo Instagram @associacaopeterpan

Associação Peter Pan realiza mutirão solidário com o III Dia do Desapego

Além de praticar um gesto de solidariedade, os doadores também receberão um mimo surpresa como forma de agradecimento pela participação.

Na próxima quarta-feira (18), a Associação Peter Pan (APP) convida a população cearense para praticar a solidariedade participando do III Dia do Desapego. O evento acontece de 7h30 às 17h, na Rua Alberto Montezuma, 350, Vila União (sede da APP), em formato drive-thru. As pessoas podem contribuir doando itens que não usam mais e ainda em bom estado, como roupas, calçados, acessórios, brinquedos, leite em pó integral e outros alimentos não perecíveis, artigos de decoração, utensílios domésticos, eletrônicos, eletrodomésticos e até móveis. Todos os itens arrecadados serão revertidos em recursos financeiros no Bazar Peter Pan e, posteriormente, serão destinados para assistir milhares de famílias que lutam contra o câncer infantojuvenil.

Os interessados em doar itens de grande volume ou em grande quantidade podem agendar o recolhimento por meio do site app.org.br ou pelo WhatsApp (85) 4008-4109. A instituição agendará um dia, após o evento, para recolher as doações na residência do doador.

Michele Holanda, Superintendente da Associação Peter Pan, fala sobre a importância do evento para as atividades da instituição. “O Dia do Desapego já entrou no calendário da sociedade cearense. Isso porque trata-se de um evento que ajuda duplamente: além do doador dar uma destinação bacana àqueles itens que não tem mais serventia, muitos deles em ótimo estado, ele ainda contribui com a causa do câncer sem gastar nada. Ao passar na rua da Esperança, as pessoas veem o Hospital Peter Pan e saem daqui com a certeza que a doação deles está salvando vidas. É um dia para transformar o que não nos serve mais em esperança de futuro para os nossos jovens pacientes”, diz ela.

Além da entrega das doações, o evento também contará com a transmissão ao vivo da Rádio Assunção que trará a história da APP, formas de contribuir com a ONG, histórias de voluntários, pacientes e muito mais.

Serviço:

Evento: III Dia do Desapego

Dia: 18/01

Horário: 07h30 às 17h

Local: Rua Alberto Montezuma, 350 – Vila União (sede da APP)

Itens que podem ser doados: roupas, calçados, acessórios, brinquedos, leite em pó integral e outros alimentos não perecíveis, artigos de decoração, utensílios domésticos, eletrônicos, eletrodomésticos, móveis e etc.

Recolhimento de doações: app.org.br ou (85) 4008-4109 (whatsapp)

Associação Peter Pan e Prefeitura de Maracanaú realizam, nesta sexta-feira (18), o lançamento da pedra fundamental do Complexo de Reabilitação Francisco de Assis (CER – IV).

O Complexo, localizado no bairro Piratininga, será erguido em terreno com área de 7.500m² doado pela Prefeitura de Maracanaú, e contará com quatro etapas de construção, cuja primeira etapa está prevista para dezembro/2024.

Na manhã desta sexta-feira (18) a Associação Peter Pan e Prefeitura de Maracanaú realizaram a cerimônia de lançamento da pedra fundamental para a construção do primeiro complexo de reabilitação no estado do Ceará, o Complexo de Reabilitação Francisco de Assis, que contará com um Centro Especializado de Reabilitação nível IV, uma oficina de próteses, uma casa de apoio e toda equipagem necessária.

Seguindo todas as normas do Ministério da Saúde, o Centro Especializado de Reabilitação nível IV contará com uma estrutura de ponta para atender crianças, adolescentes e adultos que necessitam de habilitação/reabilitação física, auditiva, visual e intelectual, incluindo o Transtorno do Espectro Autista (TEA), sobretudo para os pacientes que realizam tratamento contra o câncer e ficam com alguma sequela, como explica oncohematologista pediátrica e Superintendente Médica da APP, Dra. Sandra Emília Almeida Prazeres.

“É a primeira vez que teremos um complexo desse porte em nosso estado e será um grande ganho para muitas pessoas que precisam da reabilitação, especialmente as crianças e adolescentes que realizam ou realizaram algum tratamento contra o câncer e ficaram com sequelas. Devido à quimioterapia, apresentar sequelas é comum aos pacientes que realizaram o tratamento de forma tardia ou intensiva. Então, esse complexo vem para fazer a diferença, promovendo autonomia, conforto e dignidade para todos que precisam do serviço”.

Roberto Pessoa, Prefeito de Maracanaú, explica a importância dessa parceria. “A Associação Peter Pan é uma ONG de grande reconhecimento estadual, nacional e até internacional. Estamos muitos felizes em fazer parte dessa conquista e tenho certeza que a semente plantada hoje irá se espalhar por outros locais, trazendo outros hospitais para conhecer e se espelhar nesse empreendimento”. O investimento para a construção do Complexo de Reabilitação tem estimativa de R$ 78 milhões e a expectativa é que sejam gerados cerca de 120 empregos diretos.

O dia de hoje foi de muita emoção com o lançamento da pedra fundamental, marcando o início do projeto, e o plantio de um Ipê Amarelo, simbolizando um futuro melhor para muitas pessoas que serão beneficiadas com a obra. A Presidente da APP, Olga Freire, fala sobre o sentimento que permeia essa iniciativa em parceria com a Prefeitura de Maracanaú. “Se eu pudesse traduzir esse novo projeto em uma única palavra diria ‘esperança’. Esperança em uma parceria público-privada que irá proporcionar um futuro mais digno para tantas crianças, adolescentes e adultos. Nosso coração está repleto de gratidão ao Prefeito Roberto Pessoa e à Fernanda Pessoa, Deputada Federal eleita em 2022, por acreditarem nesse projeto e terem essa admirável disposição de servir ao próximo”.

No púlpito Dra. Sandra Emília, Superintendente Médica da APP
No púlpito Michele Holanda, Superintendente Executiva da APP
Fernanda Pessoa, Deputada Federal
Olga Freire, Presidente da APP, assinando a ATA do evento
Roberto Pessoa, Prefeito de Maracanaú, assinando a ATA do evento
Plantio do Ipê Amarelo representando os planos para o futuro.

Com a premissa “Doe o que puder”, Associação Peter Pan lança a campanha “Seu PIX me faz FELIZ”

A campanha faz parte das ações do Dia de Doar, uma mobilização mundial que começou nos Estados Unidos em 2012 e hoje já é realizado em mais de 80 países.

Qualquer doação pode fazer a diferença na vida quem precisa, esse é o tema da nova campanha da Associação Peter Pan, “Seu PIX Me Faz FELIZ”, lançada neste mês de novembro. A iniciativa faz parte das ações do Dia de Doar, uma mobilização realizada por instituições do terceiro setor em todo mundo, que tem o propósito de promover a generosidade, conectando as pessoas às diversas causas e estimulando a cultura de doação. Em 2022 a data é celebrada no dia 29 de novembro e a Associação Peter Pan aderiu ao movimento com um projeto inclusivo que promove a esperança por meio da facilidade tecnológica do PIX. 

A campanha “Seu PIX me faz FELIZ” será realizada durante todo o mês de novembro e para participar é muito simples: os participantes devem realizar um PIX de qualquer valor para a instituição, na chave telefone 85987114300, publicar o comprovante nas redes sociais e marcar os amigos e familiares para fazerem o mesmo.

Utilizando as redes sociais como força de disseminação da campanha, a Gerente de Captação de Recursos da Associação Peter Pan, Admara Pinheiro, fala sobre as expectativas com relação a ação. “Este é o segundo ano que realizamos esse grande movimento de doação através do PIX. Essa forma de transação bancária se espalhou pelo mundo e caiu no gosto das pessoas. Hoje é tudo mais fácil, inclusive ajudar a salvar vidas. Em 2021 a força popular nos levou a uma arrecadação de cerca de R$ 30 mil reais. Nossa expectativa neste ano é que esse resultado duplique. O inspirador gesto de doar permite a existência e sobrevivência de milhões de ONGs em todo mundo, dentre elas a APP, então cada doação faz, sim, a diferença. Não se trata do quanto, mas de fazer parte de uma grande corrente solidária”.

Os valores arrecadados serão destinados para a manutenção e execução dos 16 programas sociais da instituição. Hoje, os pacientes e suas famílias contam com um atendimento especializado e humanizado no Centro Pediátrico do Câncer. Desde a primeira entrada no hospital até o pós-tratamento, as famílias são acolhidas e cuidadas. Em média 1.100 assistências são prestadas no mês, dentre elas doação de cadeiras de rodas e muletas, entregas de cestas nutricionais, reformas habitacionais, plantões fraternos na internação, realização de sonhos e muito mais. As doações possibilitarão que esse trabalho continue acontecendo.

Serviço

Campanha: “Seu PIX me faz FELIZ”

Como participar:

1. Faça um PIX de qualquer valor na chave 85987114300

2. Publique em suas redes sociais

3. Marque os amigos e familiares (pelos menos 5 pessoas) para fazerem o desafio também.

Associação Peter Pan conquista o 1º lugar no 11º Encontro do FórumDCNTs com o projeto do EAD Salvando Vidas

O evento reuniu mais de 80 instituições dos setores público, privado e terceiro setor para debater o cenário das condições/doenças crônicas não transmissíveis (CCNTs/DCNTs) no Brasil.

Apresentando um projeto com foco na elevação do índice de cura do câncer infantojuvenil, a Associação Peter Pan – APP conquistou o 1º lugar no 11º Encontro do FórumDCNTs. O evento ocorreu na capital paulista e reuniu diversas instituições para propor iniciativas e formar parcerias com o objetivo de reduzir os casos de obesidade, diabetes, câncer e outras CCNTs, sendo a APP uma delas. Na ocasião foram apresentados os 5 projetos de maior destaque sobre a premissa do enfrentamento às DCNTs, sendo o EAD “Salvando Vidas”, projeto da Associação Peter Pan, escolhido como o melhor dentre os finalistas.

O ensino à distância vem sendo realizado pela APP desde março deste ano e já capacitou mais de 300 pessoas de 22 estados brasileiros na identificação precoce dos sinais e sintomas do câncer pediátrico. Detectar precocemente os sinais e sintomas do câncer ainda é a principal estratégia na busca pela cura da doença, que é a principal causa de morte de crianças e adolescentes de 0 a 18 anos. Diferente do que acontece com o público adulto, não existem medidas que previnem o câncer pediátrico, salvo as vacinas contra Hepatite B e HPV. Por isso, o diagnóstico precoce é o principal aliado nesta luta.

A oncohematologista pediátrica, Superintendente Médica da Associação Peter Pan e responsável pelo projeto, Dra. Sandra Emília Almeida Prazeres, explica a importância dessa conquista. “É um fato que o câncer é a primeira causa de morte de crianças e adolescentes e não podemos fechar os olhos para isso. O diagnóstico precoce ainda é a principal ferramenta para salvar vidas. O EAD Salvando Vidas veio para contribuir nesse processo e saber que essa iniciativa impacta crianças e adolescentes de todo o Brasil nos dá a certeza de que estamos no caminho certo para construir um futuro diferente e melhor para eles”.

O EAD, composto por 8 módulos, é totalmente gratuito e aborda desde políticas públicas, passando pelos sinais e sintomas dos principais tipos de câncer, bem como condutas que o profissional deve adotar mediante suspeita da doença, o fluxo a ser seguido em casos de neoplasia e uso do APPonco – aplicativo criado pela Associação Peter Pan e que tem sido utilizado como importante ferramenta de informação e esclarecimento de dúvidas. Os interessados podem fazer a inscrição no link https://ead.app.org.br e, após o início das aulas, o aluno terá 60 dias para concluir todos os módulos e realizar o teste final. Aqueles que obtiverem média mínima 7,0 irão receber o certificado de conclusão do curso, emitido na própria plataforma.

Há 15 anos salvando vidas

Desde de 2007, a APP vem realizando o importante trabalho de capacitar os profissionais de saúde, da capital e interior do Ceará, em identificar precocemente a doença por meio de sinais e sintomas. As aulas aconteciam de forma presencial, porém, com a pandemia, a instituição precisou se adaptar à nova realidade e abraçar o formato virtual. Dra. Sandra Emília fala sobre a importância de dispor de tecnologias que possibilitam o conhecimento a chegar mais longe.

“Com a pandemia, o trabalho que já vinha sendo desenvolvido, precisou ser adaptado. O desafio era grande, mas a vontade de manter vivas as chances desses meninos e meninas era maior. Agora, dispomos de uma ferramenta que faz com que o conhecimento esteja à distância de apenas alguns cliques. Com o EAD conseguimos ampliar consideravelmente o número de agentes do bem no combate ao câncer. O profissional de saúde não precisa mais sair da sua casa ou do trabalho para ter acesso à informação. Nosso objetivo com essa iniciativa é fazer com que a descoberta do câncer aconteça cada vez mais rápido e, assim, levar a esperança de vida e cura para as crianças e adolescentes”.

Conhecendo a grade de conteúdo do EAD Salvando Vidas

Introdução – com Dra. Sandra Emília Almeida Prazeres (Oncohematologista Pediátrica).

Unidade 1 – Política Nacional para prevenção e controle do câncer e epidemiologia do câncer – Anice Holanda Nunes Maia (Psicóloga).

Unidade 2 – Os sinais e sintomas comuns ao câncer pediátrico – com Dra. Patrícia Narelly Cruz Silva (Oncopediatra) e Dr. Eugênio Pacelli de Oliveira Melo (Oncopediatra).

Unidade 3 – Probabilidade do câncer infantojuvenil – Parte 1 – com Dra. Viviany de Oliveira Viana (Oncohematologista pediátrica) e Dra. Nádia Mendonça Trompiere (Oncopediatra), Patrick da Silva Camelo (Psicólogo).

Unidade 4 – Probabilidade do câncer infantojuvenil – Parte 2 – com Dr. Carlos Artur da Costa Moraes (Oncohematologista pediátrico) e Dra. Márcia Lima Verde Campos de Oliveira (Oncopediatra), Dr. Alex Monteiro (Oncopediatra), Mariana Bruno Soares (Psicóloga).

Unidade 5 – Probabilidade do câncer infantojuvenil – Parte 3 – com Dra. Nadia Gurgel Alves (Oncopediatra) e Dra. Mayara Satsuki Kunii (Oncopediatra).

Unidade 6 – Probabilidade do câncer infantojuvenil – Parte 4 – com Dra. Renata Rolim de Sousa (Oncohematologista pediátrica).

Unidade 7 – Organização do sistema de referência e contrarreferência – com Dra. Selma Lessa de Castro (Oncohematologista pediátrica).

Unidade 8 – Ferramenta tecnológica de consulta de sinais e sintomas do câncer infantojuvenil – com Sandra Emília Almeida Prazeres (Oncohematologista Pediátrica).

Associação Peter Pan é uma das 100 Melhores ONGs de 2022

Finalistas nas categorias especiais serão anunciadas neste sábado, 22 de outubro, durante o Festival Internacional de Inovação Social (Fiis)

O Prêmio Melhores ONGs acaba de anunciar as 100 organizações brasileiras do terceiro setor vencedoras em 2022 e a Associação Peter Pan é uma delas.  Na lista, que já está disponível no site www.premiomelhores.org, é possível conhecer o nome das organizações reconhecidas por suas boas práticas em quesitos como: causa e estratégia de atuação, representação e responsabilidade, gestão e planejamento, estratégia de financiamento, comunicação e prestação de contas. O Prêmio Melhores ONGs é realizado pelo Instituto O Mundo que Queremos, pelo Instituto Doar e pelo Ambev VOA, com apoio de pesquisadores da Fundação Getúlio Vargas (FGV), do Instituto Humanize e da Fundação Toyota do Brasil. 

Os destaques nas categorias especiais serão conhecidos durante a cerimônia oficial de premiação, que este ano volta a ser presencial e já está marcada para o dia 25 de novembro, no Unibes Cultural, em São Paulo. Além das 100 melhores, serão premiadas as melhores ONGs por estado, causa, as dez melhores de pequeno porte e a melhor entre elas.

Michele Holanda, Superintendente Executiva da Associação Peter Pan, explica o que significa trazer esse prêmio para casa. “Há 26 anos a APP tem feito a diferença na vida de milhares de famílias que lutam contra o câncer, possibilitando um futuro para esses guerreiros. Estar entre as 100 Melhores ONGs do país é o reconhecimento do compromisso, da responsabilidade e da transparência das nossas ações nessas mais de duas décadas. Trazer este selo para casa é mostrar para cada colaborador, voluntário, doador, paciente e familiar que o apoio e a confiança que empregam nessa causa fez com que estivéssemos entre as Melhores ONGs do Brasil. Nossa Gratidão! Esta conquista é de todos nós!”

“A lista das 100 Melhores ONGs é uma homenagem às organizações que conseguiram atingir o grau mais alto de gestão e eficiência para ajudar a sociedade em suas causas. Elas são feitas de pessoas que tiveram a determinação e a liberdade para atuar em prol de uma causa justa”, afirma Alexandre Mansur, diretor de projetos do O Mundo Que Queremos. Ele ressalta que essas organizações, com sua diversidade de áreas de atuação, mostram o papel fundamental que os cidadãos têm numa democracia para se reunir e atuar para melhorar a sociedade e o meio ambiente.

Finalistas serão anunciadas no Fiis

Este ano, o Prêmio Melhores ONGs também vai participar do Fiis – Festival Internacional de Inovação Social, que acontece no dia 22 de outubro, às 10h30, no Auditório do Ibirapuera, em São Paulo. Durante o evento, a iniciativa Prêmio Melhores ONG reuniu outras instituições para uma conversa sobre o que está sendo feito para estimular as doações no Brasil. 

Na ocasião, serão anunciadas as finalistas das categorias especiais. Também será lançada, oficialmente, a tradicional plataforma para ajudar as 100 organizações que foram destaque a captar doações. A ferramenta possibilita que qualquer pessoa doe online diretamente para qualquer uma das 100 ONGs vencedoras.

“Se as pessoas não doavam porque não sabiam para quem doar, agora não tem mais desculpa”, afirma Marcelo Estraviz, diretor do Instituto Doar, um dos organizadores do Prêmio. “Estamos felizes de poder voltar ao presencial e celebrar juntos”, completa.

O Prêmio

Desde 2017, o Prêmio Melhores ONGs reconhece o trabalho fundamental prestado pelas instituições não-governamentais no Brasil e também funciona como um farol para orientar doações. Além disso, incentiva boas práticas, contribuindo também para a melhoria na gestão de todas as participantes, incluindo as que não são premiadas, que também recebem um feedback detalhado da avaliação.

Associação Peter Pan celebra o Setembro Dourado em evento sobre a conscientização acerca do diagnóstico precoce do câncer infantojuvenil

Hoje, cerca de 70% das crianças e adolescentes diagnosticados precocemente têm chances de cura.

Nesta segunda-feira (19), às 16h, a Associação Peter Pan realizou o evento “Chuva de Esperança”, celebração em alusão ao Setembro Dourado, campanha que tem como objetivos esclarecer e informar acerca do câncer infantojuvenil e reforçar a importância do diagnóstico precoce. A solenidade aconteceu em frente ao Centro Pediátrico do Câncer (rua Alberto Montezuma, 350 – Vila União) e contou com a presença da Presidente da instituição, Olga Freire, a Superintendente Executiva, Michele Holanda, os padrinhos da instituição, Ítalo Poeta e Ana Clara Rocha, pacientes, familiares, colaboradores e voluntários.

Com muita alegria e mensagens de esperança, o evento colocou em foco a importância da atenção aos sinais e sintomas das crianças e adolescentes, bem como o trabalho que vem sendo realizado pela APP nos últimos 26 anos dentro do campo do diagnóstico precoce do câncer infantojuvenil. Ao final, os pacientes em tratamento foram homenageados com uma chuva de balões.

Setembro Dourado

O Setembro Dourado foi criado para chamar a atenção, por meio de ações preventivas e educativas, para os sinais e sintomas do câncer infantojuvenil. Uma das maiores mobilizações nacionais em prol da vida, a data tem como foco buscar por políticas públicas em prol do Diagnóstico Precoce, principal aliado no combate ao câncer infantil e, ainda, um dos maiores desafios na busca pela cura, como explica a Dra. Sandra Emília.

“O câncer faz parte da nossa realidade. Diferente do adulto, não existem medidas de prevenção e muitos sinais e sintomas podem ser confundidos com as doenças benignas da infância. Por isso, a importância dos profissionais de saúde e da sociedade em geral estarem atentos aos nossos meninos. O câncer tem cura e quando mais cedo se descobre, maiores são as chances de uma recuperação. Cerca de 80% das crianças e adolescentes em países desenvolvidos e 70% nos países em desenvolvimento, se diagnosticados precocemente, podem ser curados e ter qualidade de vida no futuro”, diz ela.

O evento faz parte das ações realizadas pela instituição durante o mês de setembro. Com o compromisso de informar e esclarecer a população, a Associação Peter Pan compartilha em suas redes sociais uma série de conteúdos sobre o câncer infantojuvenil, desde os sinais e sintomas, passando pelos tipos de tratamentos até a importância de humanizar o processo de busca pela cura.

Socorro Shibuya, Gerente Administrativa da APP e mestre de cerimônia na ocasião
Michele Holanda, Superintendente Executiva da APP
Ítalo Poeta e Ana Clara Rocha, padrinhos da APP
Olga Freire, Presidente da APP

No mês de conscientização sobre o câncer infantojuvenil, Associação Peter Pan convida a população para apoiar a causa doando apenas R$ 1 real por dia

Celebrado em todo o país, o Setembro Dourado é uma das maiores mobilizações em prol da saúde de crianças e adolescentes que lutam contra o câncer e tem como foco o diagnóstico precoce

Neste mês de setembro a Associação Peter Pan lança a campanha “Terra do Sempre – um lugar tão real quanto o sorriso de uma criança bem assistida”. A iniciativa que tem como objetivo mostrar para a população que é possível fazer uma grande diferença com um pequeno valor. Doando apenas R$ 1 real por dia (R$ 30,00 mensais), as pessoas podem contribuir com a causa do câncer infantojuvenil. Para isso, basta acessar o link https://cielolink.com.br/39rjTNJ, fazer o cadastro e se tornar um Amigo Peter Pan.

As doações são destinadas para oferecer um acolhimento social, conforto e melhor qualidade de vida para os pacientes em tratamento e suas famílias, como por exemplo: doações de muletas, cadeiras de rodas, kits de higienes, apoio em viagens para realização de procedimentos médicos em outros estados, realizações de sonhos, reformas e adaptações habitacionais e muito mais.

A nova campanha tem como mote a mobilização do Setembro Dourado, como explica a Gerente de Atividades Sociais da APP, Sandra Salgado. “A humanização do tratamento oncológico é imprescindível para o bem-estar desse paciente que luta contra a doença, bem como da família que, emocionalmente, adoece junto. Há 26 anos a Associação Peter Pan assumiu a missão de amenizar a dor que vem com a descoberta de um câncer e esse trabalho só vem sendo possível graças a solidariedade e o apoio dos nossos doadores. Neste mês celebramos o Setembro Dourado, uma campanha em prol da vida, por isso não existe ocasião melhor para construirmos a Terra do Sempre, um local onde as crianças podem crescer e construir grandes futuros”.

O Setembro Dourado

O Setembro Dourado foi criado para chamar a atenção, por meio de ações preventivas e educativas, para os sinais e sintomas do câncer infantojuvenil. A data também tem como foco buscar por políticas públicas em prol do Diagnóstico Precoce, principal aliado no combate ao câncer infantil e, ainda, um dos maiores desafios na busca pela cura.

O câncer faz parte da nossa realidade e, apesar do que grande parte população acredita, ele tem cura. Cerca de 80% das crianças e adolescentes em países desenvolvidos e 70% nos países em desenvolvimento, se diagnosticados precocemente, podem ser curados e ter qualidade de vida no futuro.

Neste mês, a instituição irá promover importantes debates em suas redes sociais acerca dos principais tipos de câncer, informando e esclarecendo sobre os sinais e sintomas que devemos ficar atentos.

Associação Peter Pan inicia campanha do Setembro Dourado 2022

Setembro é o mês no qual a vida brilha forte e a esperança tem cor de ouro.

A Associação Peter Pan inicia nesta quinta-feira (01) a campanha do Setembro Dourado 2022, uma grande mobilização nacional criada para chamar a atenção, por meio de ações preventivas e educativas, para os sinais e sintomas do câncer infantojuvenil. A data também tem como foco buscar por políticas públicas em prol do Diagnóstico Precoce, principal aliado no combate ao câncer infantil e, ainda, um dos maiores desafios na busca pela cura. 

O câncer faz parte da nossa realidade e, apesar do que grande parte população acredita, ele tem cura! Cerca de 80% das crianças e adolescentes em países desenvolvidos e 70% nos países em desenvolvimento, se diagnosticados precocemente, podem ser curados e ter qualidade de vida no futuro.

A Associação Peter Pan tem um grande compromisso com esse movimento e isso é visto nas inúmeras ações que buscam esclarecer a sociedade acerca do assunto, bem como na capacitação dos profissionais de saúde em identificar sinais e sintomas do câncer pediátrico.

Atualmente, a instituição tem centrado suas atividades em projetos de educação à distância, um formato que ganhou força nos últimos anos e que vem alcançando um público cada vez maior.

Uma dessas ações foi a entrega do primeiro aplicativo do Brasil, no segmento de oncologia pediátrica, que possui chat online: o APPonco. Com essa ferramenta, gratuita e ao alcance das mãos, os usuários têm acesso ao um leque de informações sobre o câncer pediátrico (tipos de câncer, sinais e sintomas, tratamentos, efeitos colaterais), além de cuidados com o paciente oncológico. Para os profissionais de saúde, além do chat online para esclarecer dúvidas e as informações sobre os sinais e sintomas, eles também têm acesso a um fluxograma que orienta a como proceder em casos de suspeitas. Com o apoio da tecnologia, estamos levando mais conhecimento para todo o país.

Outra iniciativa de grande importância e impacto foi a criação do primeiro EAD da APP, intitulado Salvando Vidas I. O curso é composto por 8 módulos que abordam desde políticas públicas, passando pelos os sinais e sintomas dos principais tipos de câncer, até a apresentação do APPonco. [computador]

É um fato que o câncer é a primeira causa de morte de crianças e adolescentes e não podemos fechar os olhos para isso. O diagnóstico precoce ainda é a principal ferramenta para salvar vidas e ajudar esses pequenos a terem um futuro. Iniciativas como o APPonco e o EAD Salvando Vidas I vieram para contribuir nesse processo. Por isso, precisamos do apoio da sociedade para fazer a diferença na vida dos pequenos.

Nos próximos 30 dias, a instituição realizará um importante movimento em suas redes sociais em prol da informação e esclarecimento acerca do câncer infantil. Siga-nos no Instagram e faça parte dessa mobilização que luta pela vida e pela construção de um futuro melhor para milhares de pacientes.

Campanha ‘Solidariedade em Dobro’ beneficia pessoas em situação de vulnerabilidade social

Realizando a campanha pelo segundo ano consecutivo, a Associação Peter Pan incentiva o público que não consome fast food para fazer o bem duas vezes: contribuindo para a causa do câncer infantojuvenil e ajudando outras causas sociais.

Nesta semana a Associação Peter Pan lança a segunda edição da campanha ‘Solidariedade em Dobro’, iniciativa que beneficia a causa do câncer infantojuvenil e diversas outras causas filantrópicas. Através do McDia Feliz, o público que não consome fast food ou que possui alguma restrição alimentar com relação ao sanduíche, tem a opção de participar da campanha e ainda estender a solidariedade para outras pessoas que também precisam de acolhimento. Os interessados podem adquirir o ticket, pelo valor de R$ 18,00, na própria sede da instituição (rua Alberto Montezuma, 350 – Vila União) ou pelo telefone (85) 9 9994-8171 e doá-lo para outros projetos sociais, como casas de apoio, ONGs que cuidam de pessoas em situação de rua ou comunidades em situação de vulnerabilidade social. Já para aqueles que preferirem deixar com a Associação Peter Pan, a instituição fará o repasse para outros projetos que assistem, principalmente crianças em situação de vulnerabilidade.

Uma das maiores campanhas de mobilização em prol da saúde de crianças e jovens do Brasil, o McDia Feliz vem sendo realizado pela Associação Peter Pan nos últimos 24 anos e esta iniciativa é uma das grandes responsáveis pela construção do Centro Pediátrico do Câncer, um hospital referência no tratamento do câncer infantojuvenil. Admara Pinheiro, Gerente de Captação de Recursos da Associação Peter Pan, fala sobre a ideia de expandir o impacto dessa campanha que já é tão conhecida em todo o Brasil.  

“A ideia da campanha ‘Solidariedade em Dobro’ é mostrar para as pessoas que o McDia Feliz não é só sobre câncer. É sobre transformar um sanduíche em cuidado, carinho e esperança de vida. Nós escutamos frases como “Não gosto de fast food” ou “Sou vegetariano (a)”, mas isso não precisar ser um impedimento para ajudar. A compra do ticket leva nossos meninos mais perto da tão sonhada cura, mas a doação desse papelzinho pode levar empatia e dignidade para muitas outras pessoas”.

Antonia Maria Machado, uma das responsáveis pelo projeto UPA de Jesus, projeto beneficiado em 2021 com a doação dos tickets, contou um pouco sobre a experiência com a campanha. “Em 2021 o McDia Feliz fez a alegria, não só das crianças assistidas pela APP, mas também de muitos moradores em situação de rua e adolescentes em situação de vulnerabilidade social. Com as doações feitas por meio da campanha Solidariedade em Dobro, conseguimos entregar cerca de 100 Big Macs no dia, através dos tickets que foram doados. A maioria deles nunca teve a oportunidade de degustar um lanche como esse. Esse duplo gesto de amor chegou até o nosso projeto e saciou a fome de comida e de carinho de muitas pessoas neste dia”.

Este ano McDia Feliz acontece no dia 27 de agosto e todo o valor arrecadado será destinado para a construção do Espaço da Família, que contará com uma sala de descanso para as famílias que chegam bem cedo ao hospital – muitas delas vindas de outras cidades – com televisão, sofás, 2 banheiros adaptados para cadeirantes e um fraldário; uma Oficina de Treinamentos, para a realização de capacitações dos familiares e acompanhantes; além de um refeitório equipado para receber as famílias que passam o dia no hospital e precisam fazer suas refeições no local.

Serviço:

Venda do tíquete (WhatsApp): https://api.whatsapp.com/send?phone=558599948171

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com